Hino à Santana do Deserto

Autora: Nialva Caruso Lins

Oh! Santana. Oh! Santana
Oh! Santana do Deserto
Serás sempre abençoada
Pois teu povo é tão correto

Os teus filhos trabalhadores
Enfrentando dissabores mil
Pela grandeza desta terra
É o lema d’um povo varonil

Nome santo, terra bendita
Com tuas belas matas verdejantes
Vivendo sempre com alegria
Relembrando um passado fulgurante

Oh! Cidade harmoniosa
És mais uma das “alterosas”
Todos lutam com grande esperança
Por “Minas” sempre garbosa.